A ansiedade Bicolor antes do grande confronto

Publicados 10 meses atrás em 14 de setembro de 2023
Por: thiagobarbalho

A ansiedade no coração dos torcedores do Paysandu está à flor da pele. O jogo de domingo, contra o Botafogo-PB, no Mangueirão, às 16h, pela terceira rodada do quadrangular da Série C do Campeonato Brasileiro, pode definir o destino do Lobo na temporada de 2024.

Uma vitória contra os paraibanos fará com que o Paysandu alcance a marca de sete pontos, abrindo uma vantagem específica e ficando muito próximo do acesso à Série B. O técnico Hélio dos Anjos não economizou palavras ao definir a partida como uma das mais importantes de sua carreira.

“Para mim, o próximo é sempre mais importante. Eu acompanho o Paysandu há tantos anos, e os últimos foram de muitas dificuldades, sempre buscando esse acesso. Este ano, sabemos que estava tudo muito difícil, mas as coisas foram melhorando com o apoio de todos, e acabamos chegando nessa condição, sabendo que é um jogo decisivo, que pode nos levar a sete pontos. Emocionalmente, o jogo está nas alturas, e vejo como um dos jogos mais importantes da minha vida”, destacou o comandante bicolor.

E não é só o técnico que está consciente da importância desse duelo. O Botafogo-PB também entende o peso da partida. Hélio dos Anjos respeita a equipe adversária e elogia o modo como eles se encaixaram na luta.

“O Botafogo-PB é um time que, tenho certeza, pensa da mesma forma. É uma equipe simples, mas que encontrou seu ritmo. O futebol precisa muito disso. O time é comum, mas encaixou, e eu gosto de times assim. “Tenho preocupação em enfrentar adversários assim, que têm organização, qualidade e que estão inseridos. O Botafogo-PB é essa equipe, e eles demonstraram isso ao longo da competição. Sabemos o que representam para a nossa preocupação”, ressaltou Hélio dos Anjos.

Ele sabe que, para superar esse desafio, será necessário um nível elevado de concentração e tranquilidade, mas sem deixar a passividade tomar conta do ambiente.

“Vamos precisar de maior concentração, maior tranquilidade, mas sem passividade, pois não adianta eu ter um tempo passivo e falar que meu tempo foi tranquilo e não resolver o problema. Prefiro um tempo que tenha equilíbrio, tranquilo, mas que não seja passivo. Vamos enfrentar realmente um adversário que deu liga, mas temos uma confiança muito grande que, com 45, 50 mil pessoas e nós envolvidos com o objetivo do clube, vamos fazer uma grande atuação”, afirmou o técnico.

A chegada de Hélio dos Anjos ao comando do Paysandu, em junho, trouxe uma mudança notável na trajetória da equipe. O clube, que antes flertava com o rebaixamento, conseguiu uma reviravolta incrível sob seu comando. Onze jogos, com seis vitórias, três empates e apenas duas derrotas, são números que falam por si próprios. O treinador conseguiu resgatar a confiança da Fiel Bicolor.

“Desde quando eu pisei aqui, coloquei na minha cabeça que minha responsabilidade é muito grande, principalmente pelo carinho e apoio que eu tenho do torcedor”, finalizou Hélio dos Anjos.

E assim, a contagem regressiva para o grande embate de domingo continua, com a ansiedade tomando conta dos corações dos fiéis torcedores do Paysandu, que estão ansiosos por um resultado que pode mudar o rumo da temporada e recompensar o esforço e dedicação de todos os envolvidos com o clube.

Cadastre-se na Betnacional e PROFETIZE!!! 👇

https://www.betnacional.com?p=227c5fd7f7

📷 Foto: Ascom Paysandu

Fique por dentro das notícias no FUTPA! Siga nosso perfil no Instagram.

Receba notícias do FUTPA pelo WhatsApp.

Clique aqui, faça seu cadastro na Betnacional e use o código: FUTPA.